5.0

Lazer

Curso de culinária infantil: aprovado!

Culinária para Crianças

As crianças de hoje em dia adoram cozinhar!

Além de curtir colocar a mão na massa, eles procuram novas receitas, assistem tutoriais, programas de culinária e vivem pedindo para fazermos comidas diferentes em casa.

Então estamos sempre tentando incentiva-los o máximo possível aos fins de semana, já que durante a semana a correria é grande.

Pensei em algumas formas de ajudar e escolhi o Curso de Culinária Infantil do Espaço Aroma de Arte, em Santana.

Levei meus filhos, e a chefe Sandra recebeu 8 crianças que fizeram milk shakes, sucos, vitaminas, sanduíches em pão de forma (no espeto/colorido), patês, iogurtes batidos com frutas, salada de frutas, mousses, gelatinas coloridas, danoninhos caseiros, mini pizzas e brigadeiros com leite em pó.

O dia foi bem divertido, eles fizeram amigos que também toparam fazer o curso e todos adoraram a experiência!

São 3 horas de aula. As crianças observam, fazem perguntas de todo tipo, produzem seus petiscos e fazem a degustação. O valor na época foi de R$ 80,00. Fizemos em um sábado à tarde.

Achei tão bacana… foi uma forma divertida deles aprenderem a cozinhar brincando. Fora todo o papo que rolou sobre ter uma alimentação saudável, que foi super importante. Um jeito bem eficaz de fazer a criançada tomar gosto pelo cardápio saudável. Acabam conhecendo ainda mais os ingredientes e os produtos que consomem.

Estou sempre tentando me reciclar e mudando os hábitos em casa, e se eles estiverem conscientes com relação a isso, é muito mais fácil. Hoje eles já me pedem para fazer outros cursos e também cobram cada vez mais a presença deles na cozinha.

Não vou mentir para vocês, fico tensa e preocupada com os perigos que uma criança na cozinha traz, mas mantenho meus olhos bem abertos e tento relaxar e curtir. Principalmente quando fazemos bolos! É bagunça na certa!

Evito ao máximo o contato deles com fogo e faca. Sugiro receitas geladas, como mousses e gelatinas. Nem sempre eu consigo, mas eu tento bastante. Quando precisamos usar o forno, ligo depois que eles saem da cozinha. Coloco os cabos das panelas sempre longe do alcance deles, mais para o fundo do fogão. Se eles quiserem mexer e misturar, fico o tempo todo do lado. Se precisamos abrir latas e cortar ingredientes, mostro como faz primeiro e acabo “tirando” essa responsabilidade deles. Quando eles querem fazer, também fico super atenta.

Às vezes levo a criançada para fazer compras no mercado e no Ceasa, ensino como escolher os produtos, como a minha mãe me ensinou. Acho que é uma forma de envolve-los ainda mais na sua alimentação. Claro que eles também me ensinam muitas coisas e pedem produtos para experimentarmos. É tão importante essa troca…

Hoje em dia as crianças são muito independentes e acredito que quanto mais pudermos ajuda-las a se virar, melhor!

Já estou pensando no próximo curso, acho que vou matriculá-los no Curso Infantil de Pães Caseiros. Vamos também?

Adele Fazioli


Adele Fazioli

Executiva de contas

Formada em Publicidade e Propaganda e Autora do blog Mãe de Três Também tem vez. Vem comigo que no caminho eu te explico!

Site: www.maedetrestambemtemvez.com.br