5.0

Saúde

Velhice = Mudanças

Velhice = Mudança

 

Olá leitoras,

Vamos à dura vida...

  • Seu parceiro ronca e você não dorme!
    Não fique triste, nós mulheres também roncamos!!!
    Não só quando tomamos algo alcoólico e relaxamos o palato que roncamos, mas a própria idade, o aumento do peso e a menopausa provocam o ronco. Com isso nossa qualidade de sono também muda (mesmo assim não vá para o quarto ao lado, ginecologista fica triste quando a possibilidade de fazer festinha fica mais difícil) Ops! Tradução: festinha = relação sexual.
  • Outra coisa que muda é o nosso pé, ele vai perdendo a curvatura e faz com que forcemos a planta do pé contra o solo, desenvolvendo um calo local sobre um ponto nevrálgico que faz com que pisemos errado, desalinhando os joelhos e a coluna. Exercícios como Pilates ou uma orientação adequada numa musculação de membros inferiores é muito bem-vinda, em algumas situações o ortopedista orienta uma palmilha ou um sapato adequado.
  • Dores articulares e dedos deformando são também mais comuns após os 50, cuidados com um reumatologista pode prevenir e até reparar artroses e artrites.
  • Nosso cuidado bucal, com a profilaxia da perda óssea controlando a ingestão adequada de cálcio pelos alimentos lácteos, nosso sol diário e a higiene para não ter retração de gengivas, que é a exposição da raiz óssea e consequentemente a dor.
  • E a dramática ida ao oftalmologista, pois aqueles óculos denunciam nossa idade mais do que a tintura dos cabelos!!!!! Não só pelos graus, mas a medida da pressão ocular e avaliação de cataratas.
  • Outra coisa muito legal é tomar vacina, não só a da gripe, mas contra o Herpes Zoster (uma lesão como catapora em local de nervos que dói muito).
  • A memória que dá umas falhadinhas na hora de lembrar o nome do ator... nem se fala do filme então!!
    Exercícios de memória como palavras cruzadas são úteis sim, mas eu prefiro que faça uma brincadeira mais legal. Cheque com seus amigos ou com quem trabalha junto de você (ou em sua residência) e tente contar uma parte de um filme do dia anterior, ou antes de assistirem uma novela tente se lembrar do dia anterior sem que o próprio programa já o faça.
    São exercícios assim que te trazem para a realidade e ainda estimulam sua sociabilidade. Esteja plugado no mundo, mas tente ler as notícias não de um jeito dramático ou pessimista, mas vendo a evolução do mundo e como o pensamento ou ideias otimistas contagiaram as pessoas e assim, faremos deste mundo e do nosso mundo algo muito melhor.
    Caso essa perda seja bem frequente, com antecedente familiar de Alzheimer, a ida ao neurologista para testes específicos ou uma tomo para avaliar desmielinização na demência são prudentes, para a estabilização de um processo inicial.

A velhice não começa, ela se torna chata se nós não a fizermos constantemente nova e desafiadora.

Enfim, ela é sinal que vivemos muito, aprendemos mais e ensinaremos em dobro como foi que conquistamos nossas felicidades.